U.R.S.S.
Camponeses duma unidade agrícola vão visitar o Kremlin. Durante a visita um deles faz a Brejnev a seguinte pergunta: "Quem é que inventou o comunismo cientifico. Os comunistas ou os cientistas ?"
 - Bom... - respondeu Brejnev - foram os comunistas. 
 - Estas a ver? - exclamou o camponês virando-se para o outro - Eu bem dizia! Se fossem os cientistas, primeiro teriam experimentado em animais. 

Emissão da Rádio Arménia. Programa de perguntas e respostas:
"Um ouvinte pede-nos a definição de "comunismo"; fomos ver ao nosso dicionário e podemos informá-lo de que "comunismo" é "o horizonte luminoso que nos espera". Se por acaso não souber o significado da palavra "horizonte", podemos esclarecê-lo que segundo o nosso dicionário, é uma linha imaginária que se afasta à medida que tentamos alcançá-la". 

Estão 2 lojas uma à frente da outra. Numa está escrito "Carne", noutra "Peixe". Entra uma pessoa na loja onde esta escrito "Peixe" e pergunta ao empregado:
 - Vocês não têm carne ? 
 - Não - responde o empregado - o que nós não temos é peixe, quem não tem carne é aquela loja ali em frente. 

Uma velhota entra numa loja para comprar carne. Percorre com o olhar as prateleiras semivazias onde só restam alguma carne de cavalo e carne de cão. Escolhe a que parece estar ao alcance do seu bolso e dirige-se ao empregado. 
 - Ó filhote, embrulha-me 1 quilo daquela carne de cão por favor. 
 O empregado corta um pedaço minúsculo de carne, pega numa enorme tábua e coloca tudo na balança. 
 - Ó filhote, para que é que eu quero a tábua ? 
 - Tem que ser assim, isto é carne de terceira categoria, vai juntamente com a casota. 

Krutchev decide inspeccionar os aviários de uma região. Chegado ao primeiro pergunta ao administrador quanto se gasta por dia com a alimentação de uma galinha. 
 - Cinco escudos, camarada - responde este 
 - Muito bem - respondeu Krutchev, era o valor estabelecido pelo Plano. 
 - E o que é que lhes dão de comer? 
 - Uma ração à base de trigo, camarada... 
 - TRIGO???!!! - explodiu Kruthev - COM A FALTA DE TRIGO QUE EXISTE NO PAÍS ESTÃO A DAR TRIGO ÀS GALINHAS???!!! 
E partiu furioso. No segundo aviário repete-se o diálogo: 
 - Quanto gasta uma galinha por dia em alimentação? 
 - Cinco escudos, camarada. 
 - Muito bem, e o que é que elas comem? 
 - Uma ração à base de milho, camarada... 
 - MILHO???!!! - enfureceu-se novamente Kruthev - COM A FRACA COLHEITA QUE TIVEMOS NO ANO PASSADO???!!! 
Entretanto a noticia espalha-se e todos os restantes administradores já estão avisados, não sabendo bem o que fazer.
No seguinte aviário Kruthev faz as mesmas perguntas ao administrador: 
 - Quanto gastam com a a alimentação de uma galinha por dia? 
 - Cinco escudos, camarada. 
 - Óptimo, e o que é que você lhes dá de comer ? 
 - Eu?! - respondeu o administrador quase ofendido - Não lhes dou nada, cada uma pega nos seus cinco escudos e vai à loja comprar o que quiser. 

As autoridades soviéticas, com a intenção de captar divisas decidem abrir um bar em
Moscovo só para estrangeiros onde se paga em dólares. Para assegurar o êxito decidem incluir um espectáculo de strip-tease.
No primeiro dia o bar enche-se de curiosos, mas a partir daí o número de clientes diminui drasticamente, ficando só os distraídos que vieram pela primeira vez.
O fracasso é analisado numa reunião de emergência do partido:
- Não entendo camaradas, fizemos tudo igual ao que se faz lá fora. A decoração e as luzes foram copiados dos melhores bares estrangeiros, a musica é a que se ouve no ocidente, a camarada responsável pelo strip-tease é um quadro competente e experiente, como prova uma brilhante carreira de mais de 40 anos de total dedicação ao partido... 

Os cientistas soviéticos constróem o computador mais potente do mundo. Uma maquina tão inteligente que é possível fazer-lhe qualquer pergunta através do teclado.
Durante a demonstração à qual assistem as mais altas figuras do Partido Comunista é feita a seguinte pergunta: "Quantos anos faltam até chegar ao comunismo ?"
Após uma longa pausa a maquina produz a seguinte resposta: "Dez quilómetros".
"Ó Diabo! Avariou-se!", pensam os cientistas e dão nova ordem à maquina: "Por favor explique melhor", ao que a maquina prontamente responde: "Cada plano quinquenal representa um passo em direcção ao comunismo". 

Os cientistas da Universidade da Sibéria inventam uma maquina de rejuvenescimento.
Decidem que o primeiro paciente será o Brejnev, pois o coitado já mal mexe os maxilares.
Brejnev senta-se numa cadeira, ligam-lhe os fios todos e um dos cientistas explica: 
 - Agora eu vou rodar a manivela e por cada volta ficará 1 ano mais jovem 
 - Excelente! - responde Brejnev - tire-me 30 anos se faz favor ! 
 O cientista começa a rodar: 1, 2, 3, 4 voltas, de repente muda de ritmo e começa a rodar cada vez mais depressa até chegar a uma velocidade infernal... 
 - Ei ! o que é que você está a fazer ? 
 - Espera aí, que eu já te envio prá cona da tua mãe !!! 

Os cientistas soviéticos inventam uma injecção capaz de ressuscitar os mortos. Começam a escolher a candidatura para a ressurreição:
Lenin ? é melhor não, ainda se lembra de fazer a revolução. Stalin ? Nem pensar ! Krutchev ? só se for para aumentar a produção de anedotas.
Resolvem ressuscitar o Soldado Desconhecido que jaz num túmulo na Praça Vermelha. 
Trazem os restos para a mesa de operações e aplicam-lhe a injecção.
O soldado levanta-se, olha a sua volta, ergue a mão esquerda e berra: "Heil Hitler !" 

        Outra versão da anedota anterior, desta vez foi ressuscitado Marx. Durante algum tempo é levado para todo o lado cumprindo um programa interminável de rituais oficiais. Apesar disso consegue aperceber-se da enorme burocracia existente e observar o modo de vida do cidadão comum. Por fim, durante as comemorações do 1o de Maio na Praça Vermelha pedem-lhe para fazer um discurso. Marx aproxima-se dos microfones e começa da seguinte maneira: 
"Proletários de todo o Mundo, Perdoai-me!" 

Capitalismo, Comunismo e Socialismo resolvem passar o Ano Novo juntos. Decidem mandar o Socialismo comprar a Vodka, pois o Capitalismo já é velhote e custa-lhe mexer as pernas enquanto o Comunismo ainda não tem idade para comprar bebidas alcoólicas.
Passam 1 hora, 2, 3 e o Socialismo nicles....
Passado 5 horas finalmente regressa. 
 - Então, onde é que te metestes ? 
 - É pá não queiram saber ! Mal saí de casa quando vejo uma bicha para a carne... 
 - O que é isso 'Bicha' ? - pergunta o Capitalismo 
 - O que é isso 'Carne' ? - pergunta o Comunismo 

A professora pergunta às criancinhas: "Onde é que vivem as crianças mais felizes do mundo?".
E todos respondem em coro : "Na União Soviética". "E onde é que as crianças tem todos os brinquedos que quiserem e todos os chocolates e doces que lhes apetecer?". "Na União Soviética!", respondem novamente as crianças. "E onde é que as crianças crescem saudáveis e alegres, e seguras em relação ao futuro?", continua a perguntar a professora, "Na União Soviética"... de repente ouve-se uma menina a chorar. "Porque é que estas a chorar?", pergunta a professora. "Quero ir para a União Soviética", responde a menina. 

Stalin e Pedro O Grande encontram-se noutro mundo: 
 - Diz-me Stalin, em que estado é que deixastes a Mãe-Russia ? 
 - A Rússia é uma grande potência, é temida e respeitada pelos seus inimigos, tal como tu antes de mim a deixastes 
 - E o exercito e a policia secreta ? 
 - Continuam fortes e poderosos 
 - E os batalhões dos Cossacos ? 
 - Em forma como dantes 
 - Muito bem! E as torres do Kremlin ? 
 - Estão em perfeito estado 
 - E a vodka ? continua a 38 % ?
 - Não, agora está a 40% ! 
 - Então explica-me lá uma coisa, será que por causa de 2 miseráveis GRAUS! era necessário fazer aquela CARNIFICINA TODA !!!! 

        Um camponês judeu é chamado às instalações do Partido, e aí o Secretário Regional pergunta-lhe qual a sua opinião sobre a questão da comunidade hebraica na URSS, ao que o judeu responde de imediato afirmando a sua total concordância com o editorial do "Pravda", de 2/9/76, sobre o assunto. O Secretário Regional insiste: "Sim, claro, camarada conhecemos a sua lealdade e identificação com a linha do Partido; mas deve ter uma opinião pessoal sobre o assunto. O judeu, com suores frios e gaguejante, confessa que já reflectiu sobre o assunto, mas todas as suas dúvidas se encontram espelhadas no editorial do "Pravda" de 2/9/76 e, honestamente, não tinha mais nada a acrescentar. O Secretário Regional volta à carga: "Mas, por favor, não me vai dizer, concerteza, que não tem a sua própria opinião, a sua opinião pessoal...". O judeu, por fim encurralado, exclama: "Sim, claro, camarada Secretário, eu tenho uma opinião pessoal. Mas não acredito nela!"
 
 

Voltar à Página AnteriorVoltar ao Menú Principal